Empresas mantêm investimentos em alta no setor de transporte de passageiros sobre trilhos

Apesar da recessão econômica experimentada pelo país, o setor de transporte de passageiros sobre trilhos tem conseguido manter seu programa de investimentos, aliás, de acordo com três das mais importantes operadoras de metrôs e trens de passageiros do Brasil, o número de aportes permanecerá em alta nos próximos anos.

A injeção de recursos é proporcional ao aumento da demanda pela modalidade de transporte coletivo. Segundo dados da Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros Sobre Trilhos (ANPTrilhos), o número de usuários do transporte coletivo por trilhos tem aumentado constantemente. Em 2015 foi registrado um crescimento de 1,7% com relação à 2014, totalizando 2,92 bilhões de usuários atendidos contra 2,87 bilhões do ano anterior. Desse total, a média de passageiros transportados por dia chegou a 9,9 milhões.

Para dar conta do recado, as operadoras investem na modernização e qualificação do serviço oferecido. A SuperVia, por exemplo, responsável pelas linhas de trens urbanos da região metropolitana do Rio de Janeiro desde 2011, quando assumiu a gestão pelos serviços da região, vem mantendo os investimentos definidos em conjunto com o governo do Estado, que totalizará R$ 3,3 bilhões ao fim do contrato da concessão, em 2021. “Temos o nosso planejamento até 2021, período no qual devemos aplicar mais de R$ 400 milhões em infraestrutura ferroviária. Para o ano de 2017, nosso programa de investimentos prevê cerca de R$ 70 milhões”, afirma o presidente da companhia, José Carlos Prober.

“Continuaremos com o nosso programa de modernização de estações, principalmente no que tange à acessibilidade, além da execução de importantes trabalhos na via, como substituição de trilhos e dormentes e melhorias na parte de eletrificação dos ramais”, reforça o executivo, que será um dos integrantes do painel promovido pela ANPTrilhos na 19ª edição da NT Expo, principal evento da América do Sul dedicado ao mercado metroferroviário. O evento começa na próxima semana, de 8 a 10 de novembro, no Expo Center Norte – Pavilhão Vermelho, em São Paulo (SP).

Outra operadora a manter os investimentos é o MetrôRio. Nos últimos tempos, a empresa realizou aportes de mais de R$ 1 bilhão em decorrência, principalmente, da inauguração da Linha 4 do metrô carioca neste ano, durante os Jogos Olímpicos de 2016, a maior obra de mobilidade urbana da cidade desde 1980, com 16 quilômetros de extensão. “As principais medidas tomadas pelo MetrôRio, após o encerramento das aplicações e inauguração da Linha 4 são as readequações de sua estrutura operacional e o redirecionamento dos aportes para áreas essenciais do negócio. Além do R$ 1 bilhão utilizado na construção da Linha 4, mais de R$ 12 milhões foram empregados na melhoria do sistema atual”, salienta o presidente da empresa, Flávio Almada.

Em São Paulo não foi diferente, a ViaQuatro, linha privada do metrô paulista, ressalta que, conforme previsto no contrato da PPP (Parceria Público-Privada) assinado em 2006 com o governo do Estado, já foram aplicados US$ 500 milhões na Linha 4 – Amarela do metrô. “Ao longo dos 30 anos de concessão, esse valor deve chegar a US$ 2 bilhões. Inclusive, já iniciamos a segunda fase do contrato, em que estamos recebendo os quinze novos trens previstos, mantendo o mais alto grau de tecnologia disponível no mundo atualmente. Eles irão somar-se aos quatorze que já estão em operação”, observa o presidente Harald Peter Zwetkoff.

Futuro em debate – Assim como o presidente da SuperVia, os executivos do MetrôRio e da ViaQuatro também estarão presentes no painel realizado pela ANPTrilhos durante a NT Expo 2016, no dia 8 de novembro, a partir das 9h, que tem como objetivo discutir sobre o futuro do transporte de passageiros sobre trilhos no Brasil. As perspectivas de desenvolvimento da rede de transporte de passageiros sobre trilhos e oportunidades de investimentos para os próximos anos serão os temas que nortearão o encontro.

Além deles, o presidente do Metrô de São Paulo, Paulo Menezes Figueiredo; o presidente do Metrô do Distrito Federal, Marcelo Dourado; o secretário de transportes do Rio de Janeiro, Rodrigo Goulart de Oliveira; o secretário de desenvolvimento urbano da Bahia, Carlos Martins; o diretor executivo da ANPTrilhos e diretor de operações da SuperVia, João Gouveia; o presidente do conselho administrativo da ANPTrilhos e diretor de engenharia do MetrôRio, Joubert Flores; e o presidente da UBM Brazil (organizadora da NT Expo), Jean-François Quentin; também estão entre os confirmados.

Fonte: ANPTrilhos, 01/11/2016

NT Expo – 19ª Negócios nos Trilhos
Data: 8, 9 e 10 de novembro.
Horário: 13 às 20h.
Local: Expo Center Norte – Pavilhão Vermelho.
Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme, São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima