VLT é aprovado por 72% da população

A maioria da população prefere o projeto do Governo do Estado, o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), como alternativa para o transporte público da Capital, ao invés da proposta do Bus Rapid Transit (BRT), apresentada pela Prefeitura de Palmas. A preferência da população ficou clara no resultado da enquete, publicada no Portal G1, onde 72% dos internautas consideram que VLT seria o melhor sistema de transporte público para a Capital.

A enquete que ficou disponível aos internautas, por cerca de 10 dias, tinha a seguinte pergunta: “Qual o melhor sistema de transporte para Palmas?”. Ao final, apenas 27,96% dos participantes votaram na primeira opção: “BRT, objetiva fazer ligação entre o norte e o sul de Palmas em via rápida de ônibus”. Por outro lado, 72,04% dos internautas preferiram a segunda alternativa: “VLT, objetiva ligar a capital e as cidades da região metropolitana por veículo sobre trilhos”.

A enquete aponta que a maior parte dos internautas é a favor do projeto do Governo, para a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos, como sistema de transporte público em Palmas.

Impasse

A discussão sobre a melhor proposta para o sistema de transporte público para a Capital gerou um impasse entre o Governo do Estado, que defende a implantação do VLT e a Prefeitura de Palmas, que apresentou o projeto do BRT.

No dia 21 de janeiro, em reunião no Palácio Araguaia, em que foram convidados os 16 prefeitos da Região Metropolitana de Palmas, o governo Siqueira Campos anunciou o projeto para instalação do VTL na cidade. O prefeito da Capital, Carlos Amastha, não participou da reunião e na mesma data, convocou uma coletiva de impressa, onde um projeto a parte para o transporte público de Palmas, o BRT, foi apresentado.

Projetos
O Veículo Leve sobre Trilhos, que foi apresentado pelo Governo do Estado, é um projeto de transporte público que visa beneficiar não apenas os moradores de Palmas, mas também dos 16 municípios da Região Metropolitana. O VLT pretende utilizar o canteiro central da avenida Theotônio Segurado como eixo de ligação entre as região sul, central e norte. A primeira etapa do metrô elevado prevê uma linha de 15km de extensão, ligando a avenida Parque, na região Norte da Capital às universidades Ulbra e Católica, na avenida Theotônio Segurado, região Sul. A linha prevê estações integradas com o transporte coletivo de ônibus, incluindo linhas semi urbanas entre os municípios de Paraíso do Tocantins, Aparecida do Rio Negro, Lajeado, Miracema e Porto Nacional.

Já o Bus Rapid Transit, o BRT, é um o sistema de transporte que prevê a instalação de uma via rápida destinada ao transporte coletivo, partindo do canteiro central da Avenida Theotônio Segurado, ligando de um lado o setor Santo Amaro e de outro uma bifurcação que divide os caminhos para Taquaralto e Taquari. Ao todo, são previstos 30,3 km de corredores de ônibus, com 28 estações de passagens, sete estações de integração sendo duas estações de integração multimodais (trincheiras) e mais cinco futuras.

Fonte: Últimas Notícias – Palmas-TO, 03/02/2014

Fonte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima