Primeiro trem da Linha 4 carioca é entregue na China

O primeiro dos 15 trens da Linha 4 do Metrô (Barra da Tijuca – Ipanema) foi oficialmente entregue na última segunda-feira (29/09) na fábrica da Changchun Railway Vehicles Co, localizada na cidade de Changchun, na China.

O subsecretário de Projetos Especiais da Casa Civil, Rodrigo Vieira, acompanhou os últimos testes dinâmicos e de locomoção do trem e vistoriou outras três composições da Linha 4 que já estão na linha de produção. A composição embarca no próximo dia 15 com destino ao porto do Rio de Janeiro. A previsão é que esteja no Brasil em dezembro.

Os 15 novos trens devem passar por testes no sistema metroviário do Rio durante o ano de 2015. A previsão do governo do estado é que a Linha 4 entre em operação no ano seguinte.

Os novos trens têm maior espaço interno, seguindo padrões internacionais. Os bancos, dispostos de forma longitudinal, oferecem mais espaço aos passageiros. As composições têm ar-condicionado 33% mais potente – a temperatura média dentro dos vagões é de 23 graus, impulsionados por 336 mil BTUs, o equivalente a 33 aparelhos de ar-condicionado de 10.000 BTUs ligados ao mesmo tempo em cada trem. Câmeras no interior de todos os carros transmitirão imagens para a cabine do condutor e para o centro de controle de tráfego da concessionária, garantindo mais segurança nas viagens.

A Linha 4 do Metrô do Rio de Janeiro (Barra da Tijuca—Ipanema) deve transportar, a partir de 2016, mais de 300 mil pessoas por dia, retirando das ruas cerca de 2 mil veículos por hora/pico. Serão seis estações (Jardim Oceânico, São Conrado, Gávea, Antero de Quental, Jardim de Alah e Nossa Senhora da Paz) e aproximadamente 16 quilômetros de extensão.

Fonte: Revista Ferroviária, 02/10/2014

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima