Justiça determina que Crivella crie fundo para pagar concessionária do VLT

A Prefeitura terá que usar suas receitas patrimoniais (alugueis de imóveis, cobrança de laudêmios, concessões), estimadas em R$ 144 milhões ao ano, para criar um fundo para pagar a concessionária do VLT carioca. A dívida é de R$ 150 milhões, e o prazo de Crivella é de 20 dias. A determinação é da 2ª Vara da Fazenda Pública do Rio. Caso descumpra, a multa é de R$ 70 mil por dia.

Fonte: O Globo, 17/10/2019

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima