ANPTrilhos apresenta propostas do setor metroferroviário

O transporte metroferroviário é essencial para a mobilidade dos brasileiros. Entretanto, apesar das várias obras de expansão anunciadas pelo governo federal, algumas já em execução, a malha metroferroviária cresce a passos lentos, enquanto que o número de passageiros transportados a cada ano apresenta crescimento expressivo, ultrapassando 10% ao ano.

A continuidade desse cenário de carência de investimentos e crescimento expressivo do número de usuários está levando a operação dos sistemas sobre trilhos ao limite, fazendo com que não sejam mais suficientes para garantir uma adequada mobilidade ao cidadão brasileiro.

Nesse sentido, com intuito de contribuir para o desenvolvimento de uma política efetiva em torno da mobilidade urbana e do desenvolvimento de sistemas de transporte urbano de massa, como os sobre trilhos, a Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos) propõe aos governantes e aos presidenciáveis sete ações que poderão alavancar os investimentos para o desenvolvimento desse tipo de transporte no Brasil.

Segundo Joubert Flores, presidente da ANPTrilhos, é preciso que o governo federal e também os novos governantes que se anunciam, incluam em suas agendas uma política pública efetiva, voltada para a mobilidade urbana, com foco no transporte metroferroviário. “É preciso ter um olhar inovador sobre a mobilidade urbana e, desse modo, perceber que os investimentos nos sistemas sobre trilhos são revertidos em benefício da população, deixando um importante legado para os municípios e regiões metropolitanas”.

A Agenda Política do Setor Metroferroviário 2015-2018 está disponível para consulta no site da entidade (www.anptrilhos.org.br).

Fonte: Revista Ferroviária, 19/09/2014

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima