Colisão de veículo provoca danos à via férrea e transtornos aos passageiros da SuperVia

A SuperVia retomou, às 11h20 de hoje, a manutenção emergencial na via férrea sobre o pontilhão da Avenida Francisco Bicalho, no Centro. Esta é a segunda etapa do serviço, que precisa ser realizado após danos provocados pelo abalroamento de um veículo com a estrutura, na madrugada desta segunda-feira (05). O motorista deixou o local sem ser identificado e a concessionária está apurando as informações para registrar o caso junto à Polícia Militar. Mais cedo, por conta da mesma ocorrência, alguns trens precisaram aguardar ordem de tráfego, das 5h20 às 6h10, no trecho entre Central do Brasil e Maracanã, o que impactou os intervalos. Em ambos os casos, a situação foi informada por meio do sistema de áudio dos trens e estações.

Em 2017, foram registrados pelo menos seis abalroamentos de veículos no local, entre eles caminhões e até um ônibus de passageiros, nos meses de março, julho, setembro e outubro.

A empresa irá registrar novo Boletim de Registro de Acidente de Trânsito (BRAT) na polícia e, mais uma vez, acionará a Prefeitura para providências em relação ao desrespeito às leis de trânsito no local, visto a gravidade da situação. Estes casos podem provocar o deslocamento das linhas ferroviárias do seu eixo normal, podendo causar acidentes de grandes proporções.

Para tentar evitar novas colisões com a estrutura, a concessionária desenvolveu e apoia a implantação do projeto, inclusive já aprovado por órgãos municipais, que prevê a construção de pórticos de segurança antes do pontilhão, nos dois sentidos da avenida. Vale lembrar que a segurança da ponte ferroviária cabe ao poder público e que a SuperVia não tem poder legal para atuar nesta construção, nem de exigir o cumprimento às leis de trânsito.

Fonte: SuperVia, 05/02/2018

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima