Presidente da Supervia pede afastamento

O presidente da Supervia, Carlos José Cunha pediu afastamento do cargo. Segundo a concessionária, o executivo tomou a decisão para cuidar de assuntos pessoais.
Após o pedido de afastamento, o executivo Herbert Quirino, diretor financeiro da empresa, assumiu interinamente a função.
A Policia Federal cumpriu mandado de condução coercitiva contra Carlos José na 23° fase da Operação Lava Jato, que investiga pagamento de propina pela Odebrecht.

Existe suspeita de irregularidades na administração da empresa responsável pelos trens urbanos do Rio.

Fonte: Band.com.br

    

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima