Bisneto de Affoso Penna envia carta a ministro dos Transportes

Em meio ao descaso dos governantes ao setor ferroviário do país, o engenheiro Affonso Augusto Moreira Penna enviou uma carta ao ministro dos Transportes, Portos e Ação Civil lamentando a atual situação do transporte ferroviário. Veja a seguir o teor da correspondência:

Exmo. Sr. Ministro

MAURÍCIO QUINTELLA MALTA LESSA

Ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil

Tenho a honra de ser bisneto e homônimo do presidente da República Affonso Penna.

Seu governo foi de menos de três anos, devido ao seu falecimento prematuro.

Naquele curto período, tendo o competente Engº Miguel Calmon como Ministro da Viação e Obras Públicas, a expansão da malha ferroviária brasileira foi de mais de 2.200km! E isto num tempo em que o desmonte era feito com picaretas e o transporte das massas era feito por tração com muares!

Naquela época e até a década de 1950, os trens eram tanto para cargas como para passageiros.

Lamentavelmente governos sucessivos sucatearam linhas e veículos ferroviários, principalmente os que serviam ao transporte de passageiros.

Ao contrário do que disse recentemente de forma equivocada o Ministro Moreira Franco, nosso país tem dimensão continental e deve usar o transporte ferroviário para passageiros. Destarte deve olhar para os exemplos de China, Rússia, Canadá e EUA, entre outros de igual dimensão.

Pergunto:

– porque o governo não contata as instituições ferroviárias dos países supra mencionados para fazer sociedades para o projeto, construção e operação de ferrovias para o transporte de passageiros?

Já está na hora de nossos governantes acordarem e colocarem o transporte de passageiros como prioridade. Servirá para a criação de inúmeros empregos!

 

Cordiais Saudações

Engº Civil Affonso Augusto Moreira Penna (Affonso Penna, bisneto)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima