Helio Suevo fala sobre origem das ferrovias no Brasil

A história do Brasil está associada até os dias atuais a exploração das potencialidades econômicas, naturais e ou agrícolas.

Independente das ‘versões’ políticas que ocuparam os cargos máximos no imenso país  latino, a ausência de políticas sólidas, ou seja, efetivas no decurso de algumas  décadas nos levaram a entender que o Brasil é apenas um espaço que vive em função das necessidades econômicas externas, aquilo que muitos estudiosos chamaram de Colônia.

Estas necessidades de atender as demandas externas podem e devem ser compreendidas não apenas pelos ciclos econômicos mundiais, mas também pelo  esforço da ‘modernização’ em baratear a entrega dos produtos, naturais e ou agrícolas nos portos litorâneos.

A Revista Digital Ao Mundo Nova Iguaçu-rj-brasil apresenta agora a entrevista com Hélio Suêvo Rodriguez, diretor da Associação de Engenheiros Ferroviários, que didaticamente apresenta os primórdios de uma atividade que possui muito pouco, para não dizer nada, de sua história preservada neste imenso território. Ciclos econômicos, transportes para as periferias, ou para sermos gentis, para os subúrbios, alguns momentos históricos e políticos são abordados para que o leitor-ouvinte possa entender um pouco mais da nossa história e descobrir como este mundo está se perdendo em termos de potencialidades econômicas, turísticas e fundamentalmente humanas….

Acesse e ouça a entrevista: http://ni-rj-brasil.esy.es/ferrovias-no-brasil

Fonte: Revista Digital ao Mundo Nova Iguaçu, 27/09/2017

Por: Alceri Luiz Schiavini

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima